Nacionalidade Portuguesa

Mais de 90 mil pessoas pediram nacionalidade portuguesa no primeiro semestre de 2019

Publicado em 28-08-2019
Mais de 90 mil pessoas pediram nacionalidade portuguesa no primeiro semestre de 2019

Há cada vez mais cidadãos estrangeiros a pedir a nacionalidade portuguesa. Durante o primeiro semestre de 2019, deram entrada 90.274 pedidos. Já no ano passado, entre 1 de janeiro e 31 de julho, tinham sido registados 86.826 pedidos de nacionalidade. Ou seja, nos primeiros sete meses de 2018, registaram-se menos 3448 pedidos do que nos primeiros seis meses deste ano, avança o “Público” esta quarta-feira.

Este aumento é um reflexo das alterações à lei da nacionalidade e que de alguma forma facilitou o acesso aos pedidos, defende Sofia Carvalho, vice-presidente do Instituto dos Registos e do Notariado (IRN), em declarações ao jornal. “Os números estão a galopar de ano para ano”, frisa.

Segundo a vice-presidente do IRN, a maior parte desses pedidos chega do Brasil e da Venezuela. Os cidadãos brasileiros procuram as nacionalidade portuguesa principalmente por dois motivos: além das questões políticas, muitos são também descendentes de judeus sefarditas.

“A lei possibilitou a aquisição da nacionalidade portuguesa até aos netos. Este ano, até Julho, os pedidos de sefarditas totalizaram os 14.126, quando em 2018 esse número ficou nos 13.872”, explica Sofia Carvalho.

Em 2015, ano em que ocorreu a alteração à lei, foram apenas registados 466 pedidos de nacionalidade portuguesa de judeus sefarditas.

Fonte: Expresso